A DNA Consult inovando no Diagnóstico da CoviD-19: Amostra de Saliva

A DNA Consult inovando no Diagnóstico da CoviD-19: Amostra de Saliva

CoviD-19

O site de notícia G1, publicou matéria intitulada “Empresa cria teste de Covid-19 feito com saliva do paciente e resultado sai em 24 horas” (https://g1.globo.com/sp/sao-carlos-regiao/noticia/2020/08/04/empresa-cria-teste-de-covid-19-feito-com-saliva-do-paciente-e-resultado-sai-em-24-horas.ghtml).

A DNA Consult sempre foi uma empresa inovadora, na constante busca da satisfação de seus clientes.

Segue o texto da matéria do G1, Por Rebecca Crepaldi, G1 São Carlos e Araraquara,  04/08/2020 13h21:

“Desenvolvido em São Carlos (SP), #SalvaVidasCovid tem custo menor por não necessitar de um profissional para realizar coleta. O próprio paciente coloca a saliva em tubo e envia para a análise.

Com mais eficácia e menos invasivo, um novo teste para a Covid-19 foi desenvolvido por uma empresa de biotecnologia de São Carlos (SP). O exame molecular permite a coleta de saliva pelo próprio paciente e o resultado sai em até 24 horas.

Apesar de ser um dos países mais afetados pela pandemia, o Brasil possui uma taxa de testagem baixa, com 13,7 testes a cada mil habitantes até o início de julho, segundo o Ministério da Saúde.

Para melhorar esse cenário, a empresa especializada em análise genética pelo DNA, criou a nova testagem, chamada #SalvaVidasCovid, seguindo as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) e da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Atuais testes

Coleta para o teste RT-PCR (laboratorial) se dá por meio da introdução de um cotonete na narina do paciente — Foto: Isabela Carrari/Prefeitura de Santos

Coleta para o teste RT-PCR (laboratorial) se dá por meio da introdução de um cotonete na narina do paciente — Foto: Isabela Carrari/Prefeitura de Santos

A forma mais comum e conhecida até agora para identificar a presença do vírus Sars-CoV-2, é por meio do teste RT-PCR em tempo real, onde um longo cotonete é introduzido cerca de 15 cm através da narina de uma pessoa com suspeita de Covid-19, para a retirada de amostras da nasofaringe.Há ainda os testes do tipo sorológico, conhecidos como testes rápidos, que são realizados a partir da coleta de sangue do paciente para identificar anticorpos produzidos no organismo. Porém, eles não garantem tanta eficácia nos resultados, como o RT-PCR, segundo o cofundador e diretor científico da DNA Consult, Euclides Matheucci Jr.

“Os testes do tipo sorológico são uma metodologia indireta com várias falhas: a maioria dos indivíduos não produz anticorpos permanentes contra o vírus. Artigos científicos recentes mostram que tais testes apresentam até 40% de falsos negativos”, explicou Matheucci Jr.

Para realizar o teste sorológico da Covid-19, os enfermeiros precisam colher uma amostra de sangue — Foto: Daniela Xu/Ufpel/Divulgação

Para realizar o teste sorológico da Covid-19, os enfermeiros precisam colher uma amostra de sangue — Foto: Daniela Xu/Ufpel/Divulgação

Inovação

Diferente do sorológico, o exame molecular oferecido pela empresa, consegue identificar o vírus ativo no organismo infectado, também pela técnica do RT-PCR em tempo real, mas sem precisar da utilização do cotonete e de um profissional para colher a amostra.

Com um kit para coleta individual, o paciente expele a saliva dentro de um tubo e armazena em um envelope plástico que garante a integridade da amostra por até três dias. Depois, envia a amostra para o laboratório que terá o resultado em até 24 horas.

Além disso, os testes de autocoleta são mais baratos que os de via nasofaringe (por cotonete), pois este segundo modelo demanda a contratação de um profissional, já que a amostra não pode ser colhida pelo próprio paciente.

“Os testes por cotonete possuem um custo um pouco maior devido à necessidade do acompanhamento de um profissional para realizar a coleta, além da troca dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) a cada exame realizado por estes profissionais”, explicou.

Objetivo

Segundo o cofundador, o objetivo principal é prevenir o contágio do coronavírus no país, mas, além disso, a nova testagem também pretende contribuir para a retomada das atividades econômicas, oferecendo às empresas a possibilidade de realizar testes recorrentes nos funcionários.

“Quando o empregador sabe com antecedência que um de seus funcionários está com Covid-19, ele pode afastá-lo pelo tempo necessário. Com isso, ele garante a proteção de toda a equipe e suas famílias, além dos clientes. Assim é possível uma retomada segura no trabalho para todos”, afirmou Matheucci Jr.

Compra de testes

Para pessoa física, o valor é de R$ 250, incluindo o serviço de delivery para entrega do teste na casa da pessoa que solicita. Já o valor da retirada da amostra e entrega para o laboratório, depende da localidade do paciente.

Para empresas, os valores variam de acordo com quantos funcionários serão testados. Informações podem ser obtidas no site da empresa.

*Sob supervisão de Fernando Bertolini, do G1 São Carlos e Araraquara.